Acadêmicos de Jornalismo enfrentam a fundamentação teórica

Repórter: Elisiane Domainski – acadêmica do 6º semestre de Jornalismo

No segundo semestre do ano, os acadêmicos já estão familiarizados com as matérias, porém, sempre um trabalho ali, outro cá, uma nova maneira de trabalhar causa certo espanto e dificuldade aos alunos. É o que acontece com quem está começando a preparar sua fundamentação teórica, para o término do pré-projeto de Trabalho de Conclusão de Curso (TCC).

Marciel Borges, acadêmico do sexto semestre de Jornalismo, relata que sua maior dificuldade é fazer a ligação entre os títulos. “A minha dificuldade é colocar o meu pensamento e fazer a ligação com uma citação do autor. Fazer os textos se encaixarem”, conta.

Para Pedro Henrique Wasilewski, também acadêmico do sexto semestre de Jornalismo, a sua dificuldade foi no início do pré-projeto. “No início, eu tive dificuldade, pois tive que fazer algumas modificações no texto. Mas tenho consciência que o meu TCC é muito importante não só para mim, como também para Irati”, conta, adiantando que seu projeto terá como tema sua cidade natal.

Para quem já passou dessa fase, os acadêmicos do oitavo semestre, o alívio de ter chegado até aqui é grande e, segundo eles, agora que já passados pela pré-banca, o conforto de estar terminando tudo é maior ainda.

Micheli Martins, acadêmica do oitavo semestre de Jornalismo, diz que hoje consegue falar com facilidade sobre seu trabalho, mas na época, tudo era muito angustiante. “Eu encontrei muita dificuldade, pois meu tema era muito complicado. Meu tema é focado em grande reportagem de TV, mas com características do jornalismo literário e com áudio descrição. Então na minha fundamentação teórica, como estes temas não são praticados na TV, eu teria que fazer uma ligação entre os textos. Na época não existiam livros que falassem sobre isso, e nem existem hoje”, conta.

Para Janaína Anair da Silva, acadêmica do oitavo semestre de Jornalismo, a dificuldade também foi encaixar os textos no seu devido lugar, porém, o que estressa mesmo é pré-banca. “Na pré-banca você não come, você não dorme. Mas depois que você passa é tudo mais ‘susse’, agora é só motivação”, sorri.

 

One comment on “Acadêmicos de Jornalismo enfrentam a fundamentação teórica
  1. Marciel Borges disse:

    Elisiane sua reportagem está maravilhosa. Conta com muitos detalhes o que realmente os alunos estão sentindo ao fazer a fundamentação teórica.
    Parabéns.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *