Enaproc 2013: Marcelo S. de Lara e Thaís Lima apresentam seus trabalhos no Enaproc

Enaproc 2013: Marcelo S. de Lara e Thaís Lima apresentam seus trabalhos no Enaproc

No segundo dia do X Encontro Anual de Produção Científica (Enaproc) do Centro Universitário de União da Vitória (Uniuv),  Marcelo Szymkowiak de Lara (graduado em Jornalismo pela instituição e vencedor do 2º  lugar do 18º  Prêmio Sangue Novo, na categoria Projeto Jornalístico para Assessoria de Imprensa) apresentou , com mediação da professora Ana Cristina Bostelmam, seu Trabalho de Conclusão de Curso (TCC):  A religião na pauta do jornal impresso: uma análise dos jornais Gazeta do Povo e Folha de São Paulo.

1454970_564608740271639_1746057471_n

O objetivo do trabalho de Marcelo foi verificar e analisar a entrada de materiais com conteúdo religioso em jornais impressos. Para isso, ele primeiro fez um levantamento teórico, conceituando o  jornalismo e os critérios de notícia. Depois, coletou nos jornais Gazeta e Folha, por conta de sua abrangência, durante 5 meses, materiais que exibiam conteúdo religioso, como matérias jornalísticas assinadas, propagandas, anúncios e artigos.

Em seguida, as catalogou e escolheu dez para análise, pelo critério de melhor amostragem. Analisou-as e chegou a conclusão de que há uma quantidade expressiva de material com conteúdo jornalístico sendo veiculado diariamente nos jornais, e que eles não tem uma editoria especializada em religião. Além disso, Marcelo inferiu que a presença de assuntos religiosos em conteúdos noticiosos só acontece quando a matéria correlaciona a religião com assuntos do campo laico, não sendo do interesse dos jornais conteúdos doutrinários da religião.

Segundo Marcelo, sua ideia inicial para o TCC era  investigar a questão da ética na comunicação, mas após ver uma matéria na Gazeta do Povo que falava sobre uma pesquisa que revelava a diminuição de jovens católicos e o aumento de jovens evangélicos, decidiu buscar de que modo a religião entra nos jornais. O fato de ter estudado teologia durante quatro anos e entender a religião como um elemento influente na sociedade, também foram fatores motivadores para que se decidisse pelo tema.

Para o próximo ano, Marcelo planeja acrescentar informações ao material e publicá-lo em livro

 

Narrativas da Rua 

Às 21h20, na sala 331, Thaís Guimarães de Lima, graduada em jornalismo pela Uniuv, apresentou seu  trabalho de conclusão de curso: Artistas de Rua – Vida e Realidade, cujo produto resultante foi o livro “Palmas pra mim: Narrativas de quem escolheu a rua como palco para a arte e a arte como profissão para sua vida”.405176_220427808038785_422967635_n

A proposta do projeto era de encontrar as fontes em seu ambiente, identificar as que se adaptavam ao modelo, abordá-las, conhecê-las, entrevistá-las e  relatar suas histórias por escrito, no formato perfil, em um livro, com o objetivo principal de trazer mais conhecimento sobre o universo dos artistas de rua. Nesse processo de imersão, característico do jornalismo literário, Thaís assistiu a espetáculos de fantoches, foi desenhada, comprou CDs, entre outras atividades que compuseram o singular método de abordagem. Ela  também fez uma pesquisa prévia para identificar quais trabalhos artisticos de rua eram legalizados, quais eram ilegais e buscou conceitos sobre arte e criatividade.

Artista de rua Segundo Thaís, o nome do livro surgiu por acaso, ao conhecer um artista de rua vestido de palhaço, que se apresentava com uma placa contendo as inscrições Palmas pra mim. “Eu vi que isso tem muito a ver com os artistas de rua, porque quando eles vão trabalhar, com arte, na rua, eles estão se propondo a ser o espetáculo, a ser a atração”. A diagramação, assim como o título e o texto, seguiu uma linha dinâmica, evitando a formalidade.

A principal dificuldade encontrada por Thais Lima no processo de produção de seu livro foi a pesquisa, pois teve de conceituar não apenas o que é a arte, um tema já, por si, bastante complexo, mas também teve de estudar as diversas formas de manifestações de arte que encontrava. Quanto as entrevistas, relata que foram fáceis, fluentes, porque aconteceram, na verdade, como conversas informais.

Futuramente, após algumas modificaçãos, Thaís planeja publicar seu livro, e continuar a escrever.

 

2 comments on “Enaproc 2013: Marcelo S. de Lara e Thaís Lima apresentam seus trabalhos no Enaproc
  1. Marcelo de Lara disse:

    Olá pessoal do blog, olá Douglas. Agradeço pela postagem aí a respeito da apresentação. Foi legal poder contribuir e despertar para o senso crítico na participação do ENAPROC.

    Agradeço também aos professores que mediaram a minha apresentação, de modo especial a professora Ana Cristina e a todos os que estavam na sala e escolheram a sala.

    Um abraço a todos e sucesso.

    Marcelo

  2. Thaís Guimarães disse:

    curti muito a matéria! fiquei feliz ao ver como você captou bem o que eu pretendia no meu projeto!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *